domingo, 30 de setembro de 2007

Bigmouth Bikes Again

* E como nerdice não tem limite, olha o que rolou HOJE em Manchester: uma volta de bike pela cidade recriando o vídeo para a música "Stop Me If You Think You've Heard This One Before", dos Smiths. Acho que não precisava explicar tudo isso depois do título, mas ok. Para quem não lembra que vídeo é esse, coloquei no final do post.

* Vamos combinar que o nome do evento foi muito bem bolado.

* O "Bigmouth Bikes Again" vai levantar fundos para a meca dos fãs dos Smiths em Manchester, o Salford Lads Club. O bike tour de 16 milhas inclui aquele passeio básico pelas casas e pubs marcantes da história da cidade e das bandas que saíram de lá.

* Para encerrar com mais um nome bem bolado, na chegada da maratona os bikers seriam recebidos pela "Everyday Is Like Sundae". Acho que também não precisa elaborar que se trata de uma van que vende sorvete.

SMITHS - "Stop Me If You Think..."

Tony Montana Mano's Version Yo!

Como usa esse capuz???

* Por cem doletas, você leva essa jaqueta bombator Scarface-hip-hop-rules com um capuz que só eu não entendi para que serve.

* Me expliquem: ele fecha na frente, tampa seu rosto e as pessoas falam com você olhando para o Tony Montana???

*Clique aqui para comprar.

Nigella Lies To Us

* Quando fiz o último post sobre o programa Nigella Xpress, algumas pessoas vieram reclamar que ela era muito "porquinha". Imagina, só porque ela usaou restos de vinho das taças de várias pessoas em uma receita? Acontece, gente. Todo mundo faz isso, não? =)

* Bem, para esse grupo de pessoas a notícia abaixo não vai ser tão chocante assim... Mas eu fiquei muuuito decepcionada com você, Nigella. Tsc, Tsc.

* Um dia, segundo o Guardian, enquanto ela preparava um creme para um delicioso tiramisu, o diretor do programa sugeriu que ela usasse TINTA para o creme ficar mais "vivo" na tela. Ela, com a aprovação da equipe, usou.

* Após denúncia de testemunhas, o caso foi julgado e povo foi inocentado porque, apesar da Nigella ter enganado os telespectadores, a BBC achou improvável que alguém fosse usar tinta para fazer tiramisu depois de assistir ao programa.

* Sendo assim, a produção se livrou de pagar uma multa de $500.00 (quinhentas mil libras!!!!) porque o "crime" cometido por eles não teve vítimas.

sexta-feira, 28 de setembro de 2007

London Fashion Geeeeek

* Eu consegui queimar o meu (re)carregador de bateria e por isso não tiro fotos há mais de uma semana. Sempre esqueço de comprar pilha também.

* Queria tirar fotos da minha nova casinha, porque deixei a Torre de Babel, o castelo vitoriano e a cama de Maria Antonieta para trás. Estou em outro bairro morando com uma indie inglesa esperta que tem quadros do Black Rebel Motorcycle Club espalhados pela casa. Fotos em um futuro não muito remoto.

* Tem varanda no banheiro, gente.

* E voltando para casa um dia, quer dizer, uma noite, descobri que estou do lado do estádio do Arsenal. Lembrei do Nick Hornby. Será que ele mora aqui por esses lados ainda? Bem, quase fui carregada por uma multidão de ingleses lagostas tentando entrar pela porta do ônibus que eu usava para sair, obviamente. A sutileza de um torcedor de futebol é universal, né não, meninas...

* Essa semana fiz uma entrevista de emprego na loja de disco HMV. Eu achei que estivesse participando de uma pegadinha de tão bizarra que foi a minha conversa com o gerente da loja. Essas são as perguntas que eu consigo lembrar:

De cara: "Quais são as suas 3 bandas do momento?", "Se você tivesse que escolher entre esses shows, qual você escolheria e porque: Kings of Leon, James Blunt e Hard-Fi", "Qual radio você escuta?", "Quem é seu ídolo na música?".

* Se a minha vaga for para a parte country e/ou "world music" da loja, me ferrei.

* Hey! Estou aqui looooonge, mas continuo firme na Poploaded!!! Pena que não tem mais fotinhos, mas quando eu voltar o Flickr Popload entra em ação novamente. Obrigada pela música do Sebastião Estiva dedicada a mim, fiquei emocionada. =) E valeu por dedurar que eu sei a letra.

Todas as sessions do programa agora estão indo pro YouTube, hein. Dá para "dar um add" nos vídeos e colocar no blog e tal. Boa.

* Eu estava colecionando as capas grosseiras ao máximo do Spank Rock + Benny Blanco (Bangers & Cash) para ver onde isso ia dar. Mas a capa do single "Bitch" passou dos limites. hahaha Juro. O Gorilla tem e eu teria muito cuidado em abrir esse link no trabalho se fosse você. É só clicar! Como eles dizem aqui, é um link "NSFW" ("not suitable for work"). Tem que descer o post até o final.

* Tanta coisa para contar, mas meu curso está sugando o tempo que eu tinha para sentar e ficar hoooras fuçando blogs.

* Por falar no Gorilla, vi lá que ele está com várias noidades sobre o Grizzly Bear! Se você tiver o trabalho de clicar no link acima para ver a "sacanagi" do Spank Rock, faça um favor a você mesmo e passe um tempinho lá vendo os vídeos com o Ed do Grizzly Bear tocando com o Beirut por exemplo.

ps: a camiseta que ilustra o post enquanto estou sem fotos, é da turma do Geek Squad, que ficou pop do pop na última London Fashion Week. Isso sim é saber usar marketing. A pequena firma de suporte técnico ganhou reportagens em todos os jornais, revistas e até TV chamando a atenção dos fashionistas com uma camiseta simples & fofa como essa. Já tem gente vendendo no E-bay.

sábado, 22 de setembro de 2007

TeckTonik for Kids

* O Lúcio colocou lá no blog o vídeo TeckTonik para a música da Yelle. Eu a-do-ro esse vídeo no YouTube com um molequinho dançando o TeckTonik sozinho no jardim de casa. Braços para todos os lados.

* Fofo! Além de parecer o Albert Hammond Jr do Strokes, o figurino é ótimo e é engraçado ver a pressa dele em terminar tudo antes que a mãe volte pra casa ou que o irmão mais velho venha encher o saco.

* Só cuidado para não ficar do lado dele na matinê.

Na TV: BBC 4

* Toda noite tem um show legal na BBC 4 para ver. Hoje passou um ótimo do Foo Fighters. Enquanto escrevo, eles estão mostrando uma cerimônia cafona apresentada por um Jude Law todo humanitário falando sobre a pobreza no mundo em um evento milionário estilo Oscar. Ele está usando uma camisa horrível colada ao corpo, e com um decote que mostra um pouco o pêlo do peito. O figurino de dançarino de "Dança dos Famosos" do Faustão está desviando toda a minha atenção do assunto Paz Mundial.

* Anfam.

* O "showzinho" de ontem teve de The Enemy e a Siouxsie Sioux (ela mesmo), mas quem assustou foi a onipresente Kate Nash. Ela fez uma versão-toda-dela de "Hang Me Up to Dry" do Cold War Kids. Digo onipresente porque além de sair todos os dias nos jornais, perdendo só para a Kate Moss e para a Amy Winehouse, é ela quem está cantando no evento do Jude Law neste exato momento. Cansei daquele olhar perdido que ela faz enquanto toca piano, mas a menina até que canta bem...

* Voltando para a versão do CWK, o vídeo ainda não está no YouTube, mas coloco aqui quando sair. Achei um do mês passado, dá uma olhada abaixo. Dá para ver que, além de ter decorado a letra, ela ensaiou bastante para a apresentação de ontem.

Kate Nash - Hang Me Up to Dry

Toda a sutileza de Spank Rock & Benny Blanco

Começou até que bem

A dupla com gatsinhas na piscina

Spank Rock With Lasers

Pandasonics X-Rated

* Eu tenho muito medo da capa do próximo single, que dizem, sai já na semana que vem.

* O Gorilla colocou o MP3 do terceiro single do álbum "Bangers & Cash". "Loose" (o da capa da Panda no cio) tem a participação de Amanda Black. Passa lá no blog dele para pegar a faixa.

domingo, 16 de setembro de 2007

A semana - em fotos

* Porque aquele campo "Foto da Semana" não funciona no Mac e não consigo atualizar.

The Foundry

* Os Stevens fizeram comigo um tour completo pelos melhores - e mais "alternativos" - pubs de Shoreditch. O The Foundry foi o que eu mais gostei, e ele é uma mistura esquisita de galeria e bar. Cada artista que expõe lá tem que deixar uma "lembrancinha", por isso a decoração surreal.

Já pensou em ser padre?

* Tem uma igreja aqui recrutando padre brasileiro. Alguém?

Um Pirata em Camden Town

* Quarta-feira, dia 12, foi aniversário da minha irmã linda e eu odeio passar essa data longe dela.

* Quarta-feira também foi o dia em que encontrei Jesus em Londres (juntem imagem 2 e 3 e tudo faz sentido).

* Também foi o dia em que o sol ferveu o dia todo e deu pra ficar no "beer garden" do pub "Edinboro" Castle em Camden, esperando pelo show do The Go Team.

* Ferveção do começo ao fim, uma delícia de show. Divertidíssimo. Não consigo me lembrar do nome das bandas de abertura, que apesar de serem totalmente diferentes do Go Team, conseguiram "distrair" bem a platéia. Já dei um Google e não acho. A primeira parecia aquela banda de japonesas do filme Kill Bill. Gritaria e uma baterista que incorporava a Sadako.

* Ganhei um button do Bonde do Rolê (irônico, não?) e ele atraiu alguns adolescentes faixa etária 2.0 para o meu lado. Mais irônico ainda. Quem acabou ficando com o button foi o Diggle. A bateria da minha máquina acabou e não tenho fotos nem do show, nem do button, e muito menos dos tênis brancos a la Kanye West que ele usava.

* Um pedacinho de grama concorrido em dia de sol na hora do almoço.

Mr. BIG

* Hoje banquei a turista e fui ver o Big Ben pela primeira vez desde que cheguei. É o final de semana "Open House", e foi uma ótima desculpa. Uma vez por ano, nesse final de semana de setembro, todas as casas e prédios púbicos normalmente fechadas são abertas para visitas gratuitas.

* Sempre quis entrar no Parlamento e foi bem interessante.

As Tribos - pauta manjada em semana fashion

Vale-Tudo em Shoreditch

* Acho engraçada a produção do povo em Brick Lane / Shoreditch. Só que é tudo tão, mas tão forçado, que me lembra aqueles punks "pra turista ver" que ficam na Picadilly Circus pedindo dinheiro para tirar foto. Tipo aqueles caras de capoeira em Salvador, sabe? Ou a baiana do acarajé? Então: tem fashionista pra turista ver também. E morro de preguiça disso.

* A turma do cara com chapéu de urso era a pior da tribo "preciso-sair-no-editorial-da-Vogue". Eles cobravam VINTE libras por foto. E com a London Fashion Week chegando, fotógrafo na Brick Lane é o que não falta. Eles ganharam suas libras, mas eu pergunto: qual a graça de um editorial com "fotos de rua" se essas fotos são todas montadas?

* E vamos combinar que o visual dos três meninos ali no chão é muito melhor que o visual Circo da turma Shoreditch, não?

* Para completar, a TIME OUT trouxe na última edição uma matéria manjada em véspera de Fashion Week: TRIBOS. Fala que a tribos de Londres dominam o mundo, criam moda, e etc. A reportagem principal é a noite Boombox, que exige um dress-code mais fantasiado que os meninos da foto acima.

* ok. A discutir. Mas eles trazem aquela pagininha estereotipada bááááásica que a gente tanto odeia adora com desenhos das tribos e um textinho para cada uma delas. Tipo aquelas coisas que o Folhateen e a Vejinha São Paulo fazem.

* A tribo "Brick Lane / Shoreditch" está lá, olha só:* Claaaaaro que a tribo Nu-Ravers tem espaço garantido:

Detalhe para as "echarpes" New Rave

* Adorei o textinho nu-rave que diz: "É só apagar a luz e jogar no chão todas as suas roupas de 1980-1995 e rolar em cima". Eles terminam assim: "Para os que têm mais de 30 anos e caíram nessa moda: Que Vergonha!" Haha.

* E claro, para acabar, os indies:* Os indies foram ficando mais chiques de uns anos para cá nessas matérias, não???? Saiu o All Star, mas a frase "cabelos ensebados" continua sendo usada.

* Veja ainda as tribos das "Drags Alternativas" (drag-queens com batom borrado e pêlo no peito aparecendo) e a dos "Garotos Vintage". Dá para ler o artigo inteiro aqui, no site da Time Out.

sexta-feira, 14 de setembro de 2007

No Metro: Chicago

Aperta, estica e puxa

* Na maior falta de assunto, o povo aproveita as fotos do musical Chicago com a Kelly Osbourne espalhadas pelo metrô para puxar conversa. Quem não tem com quem conversar, solta uma risadinha ao passar pelo poster, já completamente escondido por bolas de chiclete mastigado.

* O bafafá Photoshop foi tanto que o assessor dela deu uma declaração dizendo que de mentira ali, era só a peruca. Ta.

* Vocês decidem. Eu adooro essa foto:


* Eu odeio musicais e durmo de roncar nas cenas mais emocionantes. Se cenas emocionantes existirem em musicais, claro. Mas lembro que fui ver Chicago e gostei. E olha que era com a Daniela Winitis, escola de atuação Wolf Maya. Ver com a Kelly Osbourne deve ser no mínimo engraçado.

* Nos cartazes vizinhos ao dela, musicais do Footlose (aaaaaaa o passado te condena, Kevin Bacon), Dirty Dancing e We Will Rock You, com músicas do Queen, claro. Dá para perceber que além de assunto, tá faltando criatividade!

ps: a foto eu roubei de agum site de fofocas espanhol, como dá para perceber.

terça-feira, 11 de setembro de 2007

Nigella, Roger Moore & Maria Antonieta

O segredo é o Curry

* Eu sou muito fã da Nigella. Não é fácil cozinhar, assediar vegetais (ela praticamente molesta os pepinos), olhar para a câmera enquanto pica cebola fazendo olhar sensual, trocar de roupa e se maquiar enquanto a água ferve, e ainda, se lembrar de usar expressões que valorizam os pratos, deixando tudo muito... hot. Ela chama mousse de "dark beauties", por exemplo. E se a vida "diet free" que ela leva - toda calórica e sem medo algum de ser feliz comendo potes de sorvete - for o segredo da beleza, eu sou a favor.

* Ela tem 47 anos, genteeeee!

* Esse Nigella Express, é uma loucura. Ela sai do centro da cidade na hora do rush. Em meia hora, ela preparou um jantar com entrada, prato principal e sobremesa para 6 pessoas, se trocou, ficou Deusa e ainda deu bronca no filho new-rave que não fez lição de casa. Fofo, o molequinho anda de skate com calça skinny vermelha e jaqueta punk de couro preta, enquanto a mãe se jogava no curry.
* Eu achei engraçada uma frase do Roger Moore que saiu no jornal ontem. Ele diz não ter a menor idéia do porquê o nome dele aparece numa música da Amy Winehouse. Ele disse: "o que ela quer dizer com 'You're 10 men down like Roger Moore?????"

* A música é "No Good", né, mas a letra correta é: "You tear men down like Roger Moore". Faz mais sentido, mas não sei se ele entendeu, mesmo assim.


* Notícias do Reino!: e eu achava que o meu quarto de Maria Antonieta era o máximo. Olha esse aí acima!!!! Esse é o Quarto Vermelho, e fica ao lado do meu e eu ainda não conhecia!

* Descobri essa semana que a casa/pensão/museu/galeria ondo moro tem um site! Lá você pode ver outras fotos da casa, saber onde fica, etc. Os preços absurdos que estão lá são para turistas, ok? Estudantes e longas estadias têm preço diferenciado, e "negociado" caso a caso. O site fica aqui.

* Eu coloquei mas fotos da casa no Flickr.

Velofax


* Tem show dessa banda aqui amanhã, e eu nunca tinha ouvido falar. Fiquei curiosa quando li a descrição nos jornais: uns chamavam de "prog-funk", outros de "disco-kraut-rock". Anda faltando rótulo para bandas, não?

* Tentem descobrir que tipo de música é esse:



* Tirando o tecladinho irritante e meio anos 80 do começo, gostei da música quando entra a barulheira.

* MySpace Velofax

* A banda é mezzo Londres mezzo Jersey, e está abrindo para o Datarock nos shows do Reino Unido.

domingo, 9 de setembro de 2007

Run, Fat Boy, Run

Corram que esse filme vem aí

* Eu odeio pagar 10 libras para ver um filme e ter vontade de levantar nos primeiros minutos. Culpa minha que achou que o "Ross do Friends" fosse um bom menino diretor. É melhor David Schwimmer se enfiar em um seriado logo para não morrer de fome.

* Dá para dar umas quatro risadinhas, mas ele conseguiu misturar o pior do humor britânico com o pior das comédias americanas. Virou um pastelão sem Hugh Grant, com uma tentativa de criar um Ben Stiller inglês.

* Pior: ele ainda quis fazer o Nick Hornby e encheu o filme de músicas indie. Pior ainda: ele quis fazer o Guy Ritchie e encheu o filme de cenas mafiosas (ok, minto, é só poker) supostamente engraçadas.

* Dá para fazer uma lista de pelo menos 15 motivos do porquê eu devo ser reembolsada integralmente por essa tortura de duas horas. Contando a pipoca de duas libras.

* Ele só está aqui porque, bem, era um alívio ouvir: Dirty Pretty Things, Kaiser Chiefs, Teenage Fanclub, Fratellis e Patrick Wolf entre uma pescada e outra.

* Tudo bem que o "Ross" não soube ser original: ele bota "Everyday I love you less & less" bem na hora que os dois melhores amigos partem pra briga...

* Abaixo, o trailer ao som de Fratellis:* Para saber mais sobre o filme "Run, Fat Boy, Run", clique aqui.

sábado, 8 de setembro de 2007

Na TV: BBC fim de feira

Socorro! Eu cheiro a peixe!

* Não sei o que aconteceu na minha TV, mas há 5 dias eu só tenho a BBC para ver. Nem é chato, porque a maioria dos programas que eu vejo estão entre os BBC 1,2,3 ou 4, mas... estou sentindo falta dos meus seriados das antigas.

* A BBC 4 ainda está reprisando um a um os showzinhos de Reading, então sempre deixo lá. Eles ainda têm umas sessions ao vivo ótimas, com entrevista e tudo, nos estúdios. Ontem - ou não -, passou uma com o Editors, e antes, uma com o Macca. O ex-Beatle continua fofo, mas muito desafinado.

* Durante a semana, caí num programa absurdo. Tão absurdo que você quer ver onde vai dar, sabe? Era na BBC 3 e chamava "Socorro! Eu cheiro a peixe"... O foco era uma doença incurável que faz com que algumas pessoas exalem odor de peixe. Em inglês: Fish-Odour-Syndrome. Vocês sabiam que essa doença existia???? Eu não. Dei um search no Wikipedia e tem um texto bem didático lá, para quem quiser ler mais sobre.

* Isso acontece, pelo que eu entendi no programa cultural, porque alguns organismos não conseguem quebrar uma partícula chamada "Trimethylamine", presente nos alimentos. Quando ela não é quebrada, ela simplemente é liberada pelo suor, urina e hálito. Bizarro foi uma mulher que escondia a doença do marido há 15 anos, tomando 5 banhos por dia e usando desinfetante no lugar de Listerine.

* Será que o Grey's Anatomy já discutiu essa e eu perdi????

ps: fui lá no site da BBC para pegar algum link do programa. Não achei, mas descobri que eles têm um reality-doc de dieta, tipo aquele "Vocé é o que você come", mas para... cachorros. Nome do programa: "Socorro! Meu cachorro é tão gordo quanto eu" (!!!).

Nerd Pride

Run, Dogs, Run

* Eu sempre falo que uma das melhores coisas do Fotolog "Old-School" era conhecer gente do mundo inteiro e saber como era o dia-a-dia dessas pessoas. Depois de tantas fotos, em tantos anos, você tem certeza que conhece cada detalhe daquelas vidas ali.

* Desde que cheguei aqui, tenho encontrado todos os "fotologgers" - alguns já haviam me visitado no Brasil - e essa tem sido uma das melhores partes da viagem. Os "locais".

* Os primeiros que encontrei aqui foram o Christian /1fotobear (que já esteve em SP) e a Johanna, responsáveis pela publicação do Fotolog Book.

* Ele resolveu me levar a um evento tradicionalmente inglês: as corridas de cachorro. Eu adoro passeios inusitados e topei. Não sabia se havia algum dress code, então achei melhor evitar o jeans. Mas no final, o lugar era uma salada de referências e o jeans não teria ofendido ninguém.

* Antes da corrida, tomamos chá (com leite, neam) e a namorada dele fez uns cookies deliciosos. Ela ainda fez umas bolinhas parecidas com brigadeiro, mas o chocolate tinha um sabor de hortelã. Uma delícia, ela disse que era para tirar o gosto amargo do chá preto inglês da boca. Fiquei de pegar a receita e esqueci, claro.

* A corrida: o estádio era gigante, e a parte interna parecia um bingão da Augusta, ou um Karaokê da Mama 25 vezes maior. As pessoas vibravam e torciam como se fosse final de campeonato no Maracanã. Tinha despedida de solteiro, despedida de solteira, festa de aniversário de 80 anos, jovens ingleses executivos apostando fortunas, famílias inteiras e etc. Jantarzinho tradicional (e "cafona como nos anos 60", explicou o Christian) : coquetel de camarão na tacinha ou sopa de batata, o delicioso "Fish and Chips" e chocolate fudge cake de sobremesa.

* Apostei várias libras nos cachorrinhos de nomes mais curiosos, como Black Rise Chick, Rumour Has It e Megusta Manners, mas não me saí muito bem. Das 7 libras apostadas, recuperei 3.

Stricken City @ BarFly, Camden

* Ontem fui até Camden, meu antigo bairro, para me encontrar com outros fotologgers, o Diggle e a Hanalita.

* Fomos ao BarFly para ver o showzinho da banda acima, Stricken City, que tem momentos shoegazing e momentos Cat Power. A vocalista, aliás, é tão bonita quanto a Cat Power. Você até concordaria comigo se a foto ajudasse.

* Saí de lá com um ingresso para o The Go! TEAM na quarta! Yaay.

quarta-feira, 5 de setembro de 2007

Ratinho Pop

* Não sei porque esses trotes bem bolados começaram a passar na TV, mas toda vez que vejo o ratinho cantando OASIS dou risada e paro para ver de novo.

* O "Fonejacker" não é só um carinha que passa trote: ele é um ótimo comediante e ainda faz pequenos vídeos de animação (cheios de detalhes) para ilustrar a conversa. Um dos personagens mais legais é um ratinho sem noção, mas que ninguém tem coragem de tratar mal.

* Neste, ele imita o Liam Gallagher, com óculos escuros e com mãozinhas patinhas para trás. Fofo:



* No YouTube há vários trotes legais do ratinho. Em um deles, ele liga para um "tele-sexo". O tele-sexo é uma loja de queijos. =)

terça-feira, 4 de setembro de 2007

Na TV: DUMPED

* Começou no domingo mais um reality show no Channel 4. Mais um???? O que falta inventar? Mandar um grupo para a favela por 20 dias? Este é diferente, claro, eles sempre são, e tem como premissa um "desafio ecológico".

* Em DUMPED, como o nome quase entrega, os participantes terão que viver num lixão por três semanas. O grupo sobrevivente ganha 20 mil libras (quase nove mil reais) para dividir... A proposta é aquele papo-zzz-ecologia (eu sou uma eco-preguiçosa, desculpa. E as vezes até finjo que reciclo lixo para as pessoas não me olharem com cara feia), que todo mundo finge bem que acompanha e que está lutando por um mundo melhor.

* As manchetes referentes ao programa são cheias de trocadilhos, claro: "Mais um lixo na TV", "Lixo no horário nobre", etc.

* A parte engraçada é que quando eles fizeram o casting, não avisaram que o programa seria no lixão. Os inscritos acharam que estavam prestes a morar em uma mansão estilo BBB, mas com "proposta ecológica". Tem de tatuador a modelo patricinha, que achava que estava indo para uma ilha deserta... Quando chegaram no entulhão, receberam um saco de dormir, um rolo de papel higiênico cada e garrafa de água. Além disso, receberam um kit sobrevivência com luvas, botas de borracha, máscara para vasculhar o recinto e vacinas de todos os tipos. E só. Comida (fresca) é "despejada" lá uma vez por semana, e o objetivo é mesmo reciclar, economizar e evitar desperdício.

* Concordo que a proposta é bem melhor que a de um Big Brother da vida, mas... as briguinhas eco cansam. Alguma dúvida que o GNT vai comprar? Será que a Globo vai querer mandar o povo pro lixão também??

* Abaixo, um teaser. // ATENÇÃO: Reparem que a trilha é do... Arcade Fire.


domingo, 2 de setembro de 2007

Bean Antonieta

Se liga no meu quarto de Rainha

* Eu estou morando numa casa muito estranha. Uma Torre de Babel, com pelo menos oito nacionalidades diferentes. Isso já seria suficientemente interessante, se a casa não fosse um labirinto a ser explorado diariamente.

* Pelo que eu entendi até agora, são duas casas enormes em uma. Contei 25 quartos, pelo menos. Corredores estreitos com pinturas do teto ao chão, levam aos quartos "temáticos". Outro corredor liga uma casa a outra.

* Dos quartos temáticos, eu fui a sortuda que pegou o da "Realeza". Um amigo está no quarto "Caçador", por exemplo, e tem oncinhas nas estampas e cabeças de veado na parede. Uma de cada lado da cama.

Tem anjos e espelhos no teto, gente

* A dona da casa, Mrs Myers, é ex-aeromoça da British Airways e um dia resolveu transformar seus palacetes em uma pensão para alunos estrangeiros. Segundo ela, como tinha "talento para design interior", mexeu no que pôde e no que não pôde, até chegar no labirinto de hoje.

* Derrubou paredes, levantou outras, fez corredores, colocou banheiros em todos os quartos, escondeu passagens e portas com pinturas, criou temas e abusou das (falsas) colunas gregas. Ela também tem um certo fascínio por uvas.

* Eu diria que é uma das coisas mais cafonas que já vi, mas não dá: já estou achando incrível. Cada dia descubro uma portinha nova, uma coluna disfarçada, um quarto diferente. É uma experiência e tanto, como se eu dormisse dentro de um museu ou galeria. Meu quarto, assim como muitos outros, é entupido de livros, antiguidades e pequenos "tesouros".

* Os jantares são no jardim da casa, enquanto o frio de verdade não chega. Na minha frente, sempre sentam as Russas. Ao meu lado, um italiano gente-boa, e do outro, um árabe. Inglês é a "língua-franca", mas as vezes vira uma salada de sotaques e costumes que ninguém se entende. Adoro.

* Coloquei algumas fotos do palácio no Flickr!