sábado, 28 de outubro de 2006

"Era só uma questão de tempo..."

Eu juro que por um momento, achei que não fosse sobrar nada em pé no StudioSP ontem.

Ludovic ao vivo é sempre uma surpresa. Foi o quarto show que vi, e não gostei de todos. O de ontem, apesar de toda a tensão dos seguranças que acreditavam que o Jair ia realmente se matar no palco, foi o melhor deles.
Mesmo que o lugar não tenha a cara da banda. Ou que o público arrumadinho e perdido tenha ficado sem entender muita coisa. Simplesmente porque, pela primeira vez, eu consegui entender tudo que ele cantava. Palavra por palavra. E as letras do Ludovic dizem muito, mas não para quem ouve pouco. Não acho que seja uma gritaria como dizem, justamente porque a primeira coisa que ouvi na banda foi o que eles tinham a dizer.
E quem ouviu - e LEU - o último Cd "Idioma Morto" entende bem isso. Não sei porque em certos momentos eles me lembram aquelas bandas nacionais do comecinho dos anos 80, quando todas elas ainda eram pesadas e boas. Pode ser viagem, mas aquele refrãozinho com duas vozes de "Qorpo Santo" ("o hino inimigo, inimigo ressoooooooa") prova bem o que eu quero dizer. Com "Unha e Carne", as duas já valem o CD.
Acho engraçado as pessoas saírem assustadas, ou bravas ou chocadas. Dizem que ele exagera, força a barra, blablabla. Ok, talvez ele insista demais nos discursos entre uma música e outra. Mas a verdade é que, eu não consigo parar de olhar para o Jair um segundo sequer. Não pára quieto, não consegue cantar com o pedestal, se joga, se atira, chora, se pendura nas partes frágeis do Studio que não foram feitas para aquilo, enfrenta o segurança tenso, desafio o cara da mesa de som. Mas ele acredita tanto naquilo que canta, que a transformação em monstro é sempre coerente.
"Eu não vou quebrar nada! Eu não vou quebrar nada!". Ele prometia berrando o tempo todo, enquanto voava faísca para todo lado. E não quebrou mesmo. Nem precisava ter se desculpado. De volta ao "Mr Hyde", nem parece a mesma pessoa. Exorcismo prático, e o cara magrinho e quieto, companheiro de trolebus, está de volta.
Esqueci de falar da "Sob o Tapete Vermelho". Linda:
"Saiba que eu lembro bem de cada frase dita.
De casa passo em falso, de cada pequena encenação.
...
Eu quero fugir para onde ninguém me conheça,
retornar à minha vida do ponto onde ela parou
...
Sem seqüelas, sem qualquer problema,
só as marcas de abandono que ardem em tudo
em que você já encostou."

...

2 comentários:

ju disse...

a primeira vez que vi um hsow do ludovic chorei, pq era uma sensanção tão forte que eu tinha que expressar de algum jeito. eu tb não consigo tirar os olhos do palco um minuto. acho que por isso gosto tanto de fotografá-los. pra tentar congelar de lagum modo aquela força toda. como já disse no orkut, o show de ontem foi realmente muito bom. quem sabe a gente se vê no do outs.
[quem bom que vc conhece a kika, qualquer coisa um dia ela apresenta a gente, rs]

Letyy__** disse...

OI bean jean ( ou jean bean, agora nao lembro), tudo bem com vc??

Primeiro deixa eu falar como fui parar no seu webblogger.
Fui procurar alguma coisa sobre a Maya Bond ( jah te falo a minha opiniao sobre ela) no cadeh ( site de busca) e vi alguns links. O nome do seu blog me atraiu ( TrAsH iT uP- adoreeeei, soa bem).Li alguns textos, e fiquei impressionada com a sua criatividade.Quero dizer, seu blog eh um dos melhores que jah vi!!
Poh... nao tem oq comentar!! eh TDB!!!
____
agora, a minha opiniao sobre a Maya Bond,-claro que respito a sua opiniao , se voce gosta- eu simplesmente detestei!! achei uma incrivel perda de tempo!! E nao vou descontar pela idade nao... pöxa, se os pais dela querem ver ela fazendo sucesso, deixa esperar... pra ela aperfeiçoar a voz, sei lah entrar num coral, ou numa aula de tecnica vocal, ou coisa parecida...
A musica Cute Papa... eh um lixo!!! qual eh a graça de ouvir:
Cute papa, cute papa, cute papa, cute papa, cute papaaa, aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaahhhhhhhhhhhhhhhhhhh...

Nossa, eu comprei uma ediçao da Capricho, jah nao sei qual mas -mas eh uma que capa eh uma moça fazendo careta e com a frase:"Voce se acha feia??"-, lah dizia q ela dava um show e deixava outras no chinelo. A primeira impressao que tive foi de uma menininha quase emo., mimada, projetinho de tranqueira (musical)....

Bom, na verdade soh quis dar minha opiniao.
Logo ierei fazer um blog novo, e poderemos nos corresponder.

Um abraço,
LetyY__**