domingo, 9 de setembro de 2007

Run, Fat Boy, Run

Corram que esse filme vem aí

* Eu odeio pagar 10 libras para ver um filme e ter vontade de levantar nos primeiros minutos. Culpa minha que achou que o "Ross do Friends" fosse um bom menino diretor. É melhor David Schwimmer se enfiar em um seriado logo para não morrer de fome.

* Dá para dar umas quatro risadinhas, mas ele conseguiu misturar o pior do humor britânico com o pior das comédias americanas. Virou um pastelão sem Hugh Grant, com uma tentativa de criar um Ben Stiller inglês.

* Pior: ele ainda quis fazer o Nick Hornby e encheu o filme de músicas indie. Pior ainda: ele quis fazer o Guy Ritchie e encheu o filme de cenas mafiosas (ok, minto, é só poker) supostamente engraçadas.

* Dá para fazer uma lista de pelo menos 15 motivos do porquê eu devo ser reembolsada integralmente por essa tortura de duas horas. Contando a pipoca de duas libras.

* Ele só está aqui porque, bem, era um alívio ouvir: Dirty Pretty Things, Kaiser Chiefs, Teenage Fanclub, Fratellis e Patrick Wolf entre uma pescada e outra.

* Tudo bem que o "Ross" não soube ser original: ele bota "Everyday I love you less & less" bem na hora que os dois melhores amigos partem pra briga...

* Abaixo, o trailer ao som de Fratellis:* Para saber mais sobre o filme "Run, Fat Boy, Run", clique aqui.

3 comentários:

Eduardo Marques disse...

É uma pena que o "Ross" se meteu neste barco furado. Pelo menos a trilha salva! Parabéns pelo blog!!!

Eduardo Marques disse...

Quando puder dê uma olhadinha no meu blog:

eduardomarquesf.blogspot.com

Abraço

Anônimo disse...

hahaha!!!!
Tudo bem Caro, n�o te culpo, eu tamb�m apostaria no Roos-Gui(ele � a cara do Guilherme de Bebedouro) Por coincid�ncia, agora a pouco, eu estava assistindo Friends, a cena que ele pede para a Rachel n�o embarcar para Paris.
Ainda bem que voc� avisou, se o filme chegar aqui, eu n�o me aventuro
beijo
Cax