terça-feira, 29 de agosto de 2006

Busão

Categoria: "Coisas que só acontecem NO BRASIL e COMIGO."

Eu pego todos os dias o Eletrobus. Tranqüilo, sem barulho, vazio, sem fumaça. Uma beleza.

Hoje, de tão tranqüilo, o motorista resolveu inovar. Colocou um pouco de ação na nossa viagem.

Quando o ônibus parou na esquina da Rua Piauí com a Avenida Angélica (logo em frente à Praça Buenos Aires), o sinal fechou. Ele não teve dúvida. Abriu a porta do busão, SAIU com um cartão telefônico em mãos e...calmamente, fez uma ligação no orelhão da esquina.

JU-RO. E tenho três taxistas chocados como testemunhas.

Quando o papo dele apertou, e o sinal abriu e as buzinas começaram, vejam bem, a pegadinha do Malandro continua: o cobrador, agora ele, resolveu fazer sua parte.

O cobrador assumiu o ônibus, em uma atitude bem Sandra Bullock em "Velocidade Máxima", e cruzou a Avenida Angélica no gás enquanto nosso motorista se despedia de alguma amante na linha. Parando no ponto seguinte, justamente onde eu desço inclusive, vejo o motorista esbaforido vindo ao nosso encontro.

Pode? Não pode!

6 comentários:

Eli disse...

ahahahahahahahaha!
só faltou o cobrador ser a cara do Keanu Reeves pro episódio ficar perfeito....
;)

alexandre disse...

hauhauhauhuha

vai saber se era uma 'emergência' né?

Luciano disse...

Queria ter presenciado este fato.

Bean disse...

surreal. Eu fiquei tensa pelo cobrador, porque ele sabia que o motorista sempre abre a porta para mim ali na Praça. Ele não sabia se me deixava descer ou se assumia o volante.

Cax disse...

Hahaha! Dessa eu não sabia!

Kamille disse...

Cara, aqui no Rio os motoristas param por exemplo na pizzaria (devem ter desconto ou ganhar o lanche, sei lá), ou pra tomar um café... e os passageiros esperando!